Herança do Interior

Belo Horizonte herdou do interior de Minas Gerais, por intermédio das muitas pessoas que vinham morar na nova metrópole, o gosto pelas festas juninas e a habilidade para dançar quadrilha.

A quadrilha é dançada há mais de 700 anos. Foi criada pelos camponeses da Inglaterra para comemorar a fartura na colheita e virou uma dança dos salões nobres da Europa. Chegou ao Brasil através da família real portuguesa e de missões culturais francesas. Aqui, de dança nobre, virou dança dos camponeses brasileiros, para comemorar o quê? ....a colheita farta! Por isto, tantas comidas nas festas juninas, para comemorar a fertilidade do solo. E, de quebra, a fertilidade do ser humano. O que explica a presença de uma noiva, quase sempre grávida, nas danças de quadrilha. E a dança passou a homenagear os santos da família:

Santo Antônio - Protetor dos namorados

São João - Protetor dos casados

São Pedro - Protetor dos viúvos