Arquidiocese de Belo Horizonte | Cúria Metropolitana

É a instituição que representa o bispado, como pessoa jurídica.
O primeiro responsável e representante jurídico da Mitra pode ser o bispo diocesano ou outro eclesiástico com poder ordinário, que poderá delegar poderes atinentes.


Endereço: Avenida Brasil, 2079 - Funcionários
Telefone: 31 3269-3100

Site: http://www.arquidiocesebh.org.br/site/

Informações Adicionais:

História
A ideia da criação do bispado de Belo Horizonte surgiu em 1914, com a crescente importância política da cidade e seu espantoso desenvolvimento econômico. Atendendo ao desejo da população, dom Silvério Gomes Pimenta, arcebispo de Mariana, aceitou dirigir o movimento para a criação do novo bispado. Em 1919, uma comissão foi nomeada por dom Silvério para cuidar do processo. Na última sessão realizada por essa comissão foi lido um documento assinado pelo monsenhor F. Cortesi, auditor da Nunciatura, avisando que as bulas para a implantação do bispado já tinham sido expedidas. A Diocese de Belo Horizonte foi efetivamente criada em 11 de fevereiro de 1921 pelo Papa Bento XV. Em 1º de fevereiro de 1924, o Papa Pio XI, através da bula "Amunus nobis ab Aeterno Pastorum Príncipe", elevou Belo Horizonte à categoria de Arquidiocese e seu bispo a arcebispo. Na época, foi a terceira província eclesiástica de Minas Gerais. Desde a sua criação, estiveram à frente da Arquidiocese os arcebispos: dom Antônio dos Santos Cabral, dom João Resende Costa, dom Serafim Fernandes de Araújo e, atualmente, dom Walmor Oliveira de Azevedo, que assumiu a Arquidiocese no dia 26 de março de 2004. 
 
 
 
Outros telefones:
Mitra: 31 3269-3131 | Chancelaria: 31 3269-3194 | Memorial Arquidiocesano: 31 3487-0826

Javascript is required to view this map.