Minascentro

Conheça um dos maiores espaço para a realização de eventos do país

Minascentro (foto: Robert Serbinenko)
Minascentro (foto: Robert Serbinenko)
Vizinho ao Mercado Central, o Centro de Convenções Israel Pinheiro da Silva, o Minascentro, contribui para colocar Belo Horizonte em posição privilegiada na competição por eventos empresariais e institucionais e na realização de grandes espetáculos. Em um quarteirão inteiro da região central, o espaço tem a agenda preenchida por promotores de eventos e de negócios para a realização de feiras, congressos, formaturas, seminários, fóruns e muitos outros tipos de eventos. 

O Minascentro possui infraestrutura diversificada, adequada para sediar uma pluralidade de eventos com diversos formatos e dimensões. O centro de convenções conta com dois teatros, seis auditórios e dezoito salas de apoio, áreas para feiras e exposições e um espaço multiuso para seis auditórios, com capacidade total de 1.500 lugares. Características fundamentais que fazem com que o Minascentro esteja entre os maiores e mais modernos no mercado de turismo de negócios e eventos do país. 

Histórico  

Sede da Secretaria de Saúde do Estado de Minas Gerais entre 1948 e 1982, o prédio onde funciona o Minascentro, inaugurado em 1929, integra o conjunto arquitetônico formado por prédios públicos da Praça da Liberdade e de outros prédios construídos em estilo neoclássico, datados do período entre 1897 e a década de 1920. Nos tempos de Curral Del Rei, a região fazia parte da Fazenda do Leitão. Com a construção da capital, o espaço foi dividido em ruas e quarteirões e os 24 lotes do quarteirão 14, da terceira secção urbana, foram doados pelo prefeito Olinto Meirelles para construção do Ginásio Atlético Mineiro. 

De 1997 a 2001, o prédio passou por várias adaptações: construção de um terceiro nível, o Salão Ouro, um espaço multiuso com 1.368 metros quadrados de vão livre que pode ser adaptado para até seis auditórios, sinalização trilíngue e rampas para facilitar a locomoção. O custo das obras foi de R$ 2 milhões. 

Em 2007 e 2008, visando o maior conforto e segurança para os clientes, o Minascentro passa por novas melhorias. Adequando aos termos de conduta firmada com o Ministério Público, os auditórios e teatros foram adaptados devidamente aos portadores de necessidades especiais e idosos. 

veja mais

Dados Gerais - Minas Centro

 

Área total de 33.163m²  
Teatro Topázio – 1.715 lugares
Teatro Granada – 428 lugares 
1º Pavimento – 1.741 m² de área para exposições 
2º Pavimento – 3.160 m² de área para exposições 
3º Pavimento – 1.368 m² de área para exposições 
Áreas Jaspe e Safira – 450 e 495 m² de área cada 
Auditórios Ágata e Quartzo – 246 lugares cada
Auditórios Turmalina e Esmeralda – 150 lugares cada
Auditórios Água Marinha e Pirita – 100 lugares cada
Praça Cristal – 740 m² de área externa com a fonte luminosa 

Houve restauração dos elevadores, do espelho d’agua (frente ao prédio) e do vitral (na escada principal). Foi implantado um sistema de câmeras de segurança e proteção, um moderno sistema de telefonia e de internet wireless. Reformados todos os banheiros, o hall de entrada principal e a cobertura de vidro da edificação, restaurado o paisagismo nos jardins, toda parte externa e interna do prédio foi pintada e o carpete do teatro principal – Topázio, substituído.