Belotur participa de eventos com a chancela da OMT na Argentina

tags

Quinta-feira, 28 Setembro, 2017

por: Assessoria de Comunicação

Belotur participou, em Buenos Aires (Argentina), do UNWTO – WTCF City Tourism Performance Research

A Belotur participou, em Buenos Aires (Argentina), do UNWTO – WTCF City Tourism Performance Research, evento cujo o mote foi a pesquisa em cidades latino-americanas (Buenos Aires e Bogotá) com análise sobre dados, estatísticas e estudos sobre o turismo urbano e resultados, realizada pela Organização Mundial do Turismo (OMT) e Federação Mundial de Cidades Turísticas (FMCT, ou em inglês  World Tourism Cities Federation – WTCF). O debate aconteceu nesta terça-feira (26/9) e contou com a participação do diretor de Planejamento e Inovação da Belotur, Marcos Boffa, convidado para participar como painelista no workshop sobre turismo urbano.
 
“Além de conhecer os projetos de capacitação de avaliação de destinos, apresentamos, como caso de sucesso, as estratégias e as ferramentas inovadoras e integradas de governança implantadas pela Prefeitura de Belo Horizonte na organização do Carnaval, o que possibilitou debates e contribuições sobre o tema. Um dos destaques foi o georreferenciamento do Carnaval, que trouxe agilidade na tomada de decisões, inteligência e economia de recursos físicos, humanos e financeiros. Além disso, refletimos sobre a evolução do destino sob a ótica do turismo urbano e das premissas de tecnologia, inovação, criatividade, economia compartilhada”, explica Marcos Boffa, diretor de Planejamento e Inovação da Belotur.
 
O evento contribui para a análise e direcionamento do segmento e cria ainda uma plataforma para proposições e recomendações para as cidades evoluírem no desenvolvimento do turismo urbano. O debate realizado perpassou pelas estratégias que vem sendo adotadas por Belo Horizonte como destino turístico inteligente.
 
A Belotur manifestou interesse em participar da Rede de Cidades da Federação Mundial de Cidades Turísticas - com sede em Pequim - para futuros projetos e intercâmbios.
 
Gastronomia
A segunda agenda desta semana da Belotur na Argentina aconteceu em Mendoza, durante a 2ª Conferência Mundial de Enoturismo e 4º Encontro da Rede de Gastronomia da OMT, com a participação do presidente da Belotur, Aluizer Malab. Os eventos aconteceram nesta quarta-feira (27/9).
 
O tema gastronomia cada vez mais ganha destaque no cenário internacional e nacional, especialmente quando relacionado ao turismo. Em pesquisa de demanda internacional realizada pelo Ministério do Turismo (2016), Belo Horizonte está em segundo lugar entre os destinos mais bem avaliados em relação à gastronomia, com percentual positivo em 98,5%.
 
“Em Belo Horizonte, destino tradicionalmente reconhecido por sua gastronomia típica e regional, além de capital dos bares e botecos, a gastronomia se renova e se reinventa com potencial turístico a ser ativado em que a atuação do poder público, representado pela Belotur, é fundamental para incentivar, fortalecer e promover um de seus principais produtos. Assim, a participação e aproximação da Belotur com a OMT configura-se como avanço para o fortalecimento da gastronomia que vem crescendo como produto, segmento e motivação no turismo.”, analisa Malab.
 
O sucesso das edições passadas levou a OMT a dar continuidade aos eventos, promovendo-os em diversos destinos. “A oportunidade do intercâmbio cultural, debates acerca das políticas públicas, práticas empresariais, comportamento de consumidores, premissas sustentáveis apresentadas em Medonza servirão de exemplo para a evolução do setor em Belo Horizonte”, conclui Malab.
 
Turismo e desenvolvimento econômico
De acordo com a UN Habitat (United Nations Human Settlements Programme ou, em português, Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos) – agência especializada da ONU dedicada à promover o desenvolvimento social e ambientalmente sustentável dos assentamentos humanos – estima-se que 70% da população mundial até 2050 estarão vivendo em cidades e, até 2025, as regiões metropolitanas contribuirão com mais de 30 trilhões de dólares anualmente na movimentação econômica mundial. 
 
Sendo assim, a OMT aponta que o turismo é atualmente um componente central no desenvolvimento econômico, social e geográfico de muitas cidades, sendo fundamental monitorar o desempenho dos destinos urbanos e apontar melhorias.
 
Foto Marcos Boffa: Marcos Boffa, diretor da Belotur, apresenta painel sobre Carnaval e Pampulha para OMT em evento internacional 
Crédito: Divulgação Belotur